Por que Jesus ressuscitou Lázaro?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Você já pensou em quantas pessoas morreram naquele dia? Você já pensou em quantas mães ficaram sem os seus filhos, quantos filhos ficaram órfãos e quantas pessoas perderam os seus entes queridos? Ora, do ponto de vista humano, parece injusto! Quando li o Evangelho pela primeira vez, uma das dúvidas que surgiram foi: por que curou a alguns e não o mundo todo? Por que ressuscitou a filha de Jairo e não as outras crianças que morreram naquele dia…? Por que Jesus ressuscitou a Lázaro?

Gosto de tratar o problema da dor e da aparente “injustiça” que ronda Jesus. Do nosso ponto de vista, Jesus é injusto, visto que cura a alguns e não a todos, ressuscita a Lázaro que é seu amigo, mas diz a um homem que havia perdido o pai: “Deixe os mortos sepultarem os seus mortos.”. Ou melhor ainda, o que dizer dos inocentes que morreram por ordem de Herodes, enquanto o “Deus injusto” livrava somente o seu filho? Se você nunca pensou nisso, parabéns! Eu já pensei muito nisso e cheguei a seguinte conclusão:

Por que Jesus ressuscitou Lázaro?

Observe a sua vida: você nasce, você cresce e você morre; logo se você acredita somente na “linearidade da existência”, qual o sentido da vida? Se a vida consiste em estudar, trabalhar, ganhar dinheiro, se aposentar e morrer, meu Deus, vamos nos suicidar agora!

Nós só enxergamos um lado da existência, o nosso! Quando me questionava sobre as “injustiças” de Deus, ainda tinha uma mente limitada que enxergava somente a vida por aqui. Mas a alma humana não envelhece, a alma não se satisfaz com trabalho e nem com dinheiro, logo é impossível que a vida seja somente isso. Por isso nós nos perguntamos “por que” como se a vida dos inocentes que morreram por ordem de Herodes tivesse acabado ali mesmo. A vida não é aqui, entende!? Isto é só uma passagem para algo maior, para algo que vale a pena! Por isso morreu o “Joaquim, a Joaquina e o Mário”, mas ele ressuscita a Lazaro, por que para o Joaquim, para a Joaquina e para o Mário a vida continuou do outro lado… A eternidade é um fato, nós que não acreditamos nela!

Lázaro era amigo de Jesus, mas os amigos de Jesus também morrem. O nosso problema é que nos impressionamos com a forma que “passamos” dessa para melhor, e ficamos questionando a Deus. “Morreu tão jovem, tinha toda vida pela frente…”, não amigo, ele tem e continua a ter uma vida pela frente, mas não aqui! Jesus sempre tratou a morte como uma “passagem” para o que é verdadeiro. “Meu Reino não é deste mundo…”, logo, o que acontece aqui não é parâmetro para o que há de vir. E lá que a vida ganhará sentido, é lá que tudo se completa, é lá que Jesus está tecendo um ninho para você! A mensagem é “…vou preparar-vos lugar…”, é lá que você e eu seremos completados de glória em glória! A vida começa aqui, mas não termina aqui, a vida é eterna!

Quando entendemos isto, a pergunta: “Por que Jesus ressuscitou Lázaro?”, fica sem sentido, pois melhor seria se ele não o tivesse ressuscitado, visto que é esse milagre que desencadeia a sua morte, mas mesmo assim ele o faz, pois Lazaro se tornou uma “atração” e muitos creram por causa dele. Entretanto, Lazaro não viveu para sempre neste planeta, morreu, pois melhor do ser ressuscitado é ser imortal!

Espero que você tenha entendido.

Até Já!

2 Comentários

  1. Jorge da Silva Abreu

    Saudações Cristãs a todos.

    A meu ver, se Jesus não ressuscitasse Lázaro, eu, você e nem tão pouco o Apóstolo Paulo e João não acreditaríamos na ressurreição, Jesus não seria considerado o Filho de Deus, Assim Lázaro foi ressuscitado para que se manifestasse a glória de Deus

    O Apóstolo Paulo em 1 Coríntios 15 diz assim:

    42 – Assim também a ressurreição dentre os mortos. Semeia-se o corpo em corrupção; ressuscitará em incorrupção.
    43 – Semeia-se em ignomínia, ressuscitará em glória. Semeia-se em fraqueza, ressuscitará com vigor.
    44 – Semeia-se corpo natural, ressuscitará corpo espiritual. Se há corpo natural, há também corpo espiritual.
    1 Coríntios 15:42-44.

    Repare que para que a ressurreição aconteça, é necessário primeiro que haja a morte do corpo (matéria), por isso Jesus também precisava morrer naquela cruz, para que ressuscitasse em glória, e assim também seremos nós quando Jesus voltar e para ressuscitar com Ele, é necessário que você o aceite na sua vida.

    A ressurreição acontecerá também para os iníquos e injustos porque a palavra de Deus diz assim:

    6 Bem-aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte; mas serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele mil anos. Apocalipse 20:6

    Portanto não pense que a ressurreição de Lázaro e para Sara tenha sido um benefício para eles, e que Jesus foi injusto com os demais em que a história não registrou que Ele tenha ressuscitado, ou tenha sido injusto para Lázaro e Sara. Quem sabe aquele mendigo chamado Lázaro em que Jesus cita em Lucas 16:20-25, não seja o Lázaro que Ele ressuscitou. Quem sabe ??? Devemos levar consideração também se Lázaro e Sara estavam prontos para morar no céu, por isso tudo concorreu assim também concorre para que a vontade e glória de Deus se estabeleça.

    A morte é lucro para o crente, o Apóstolo Paulo assim afirma: Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho. Filipenses 1:21, pois imagine em que você vai morar num lugar lindo, onde as flores cantam, um paraíso onde você nunca sentirá fome, sede, sono e não sentirá mais o medo da morte.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *