A nossa oração faz Deus mudar de ideia?

Tempo de leitura: 3 minutos

Você já pensou na possibilidade da sua oração não fazer Deus mudar de ideia? Normalmente pensamos na ideia de que a soberania de Deus está além de nosso entendimento, e de fato está, mas até onde nós podemos alterar algo somente com a nossa oração? Até onde o nossa suplica faz Deus alterar a sua vontade para favorecer a nossa? Vejamos mais sobre o tema…

A nossa oração faz Deus mudar de ideia?

A nossa oração faz Deus mudar de ideia

A resposta pode parecer complicada mas na realidade é muito simples. O problema é que normalmente nós tentamos saber o que Deus quer antes de Deus revelar a sua vontade. A oração do Pai nosso é clara quando diz:

“Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu.” Mateus 6:10

A primeira coisa é que o reino de Deus venha até mim, pois quando o reino de Deus está em mim, eu passo a crer no que o Apostolo Paulo viria a dizer:

“E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.”
Romanos 8:28

Mas ao mesmo tempo em que acredito que tudo coopera para o meu bem e que a vontade de Deus é o que de melhor pode acontecer, o chamado também é para a ação, veja:

“E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores.” Mateus 6:12

Clique e saiba mais!

“Perdoar os devedores” é um chamado para a ação! Caso contrário, eu simplesmente ficaria orando e pedindo algo a Deus, ao invés de levantar e agir.

A vontade de Deus é a vontade de Deus e ele a revelará quando for oportuno, mas enquanto eu não sei a vontade de Deus, Deus quer ouvir a minha vontade em oração. Mas ao mesmo tempo que quer ouvir a minha vontade, Deus quer ver a minha ação!

Eu posso orar por alguém enfermo, pois a minha vontade é que ele(a) seja curado(a) e esse é o meu limite, e enquanto esse for o meu limite eu luto com o anjo para que ele(a) seja curado(a), pois é a minha vontade. Quanto a vontade de Deus para essa pessoa, eu não sei e só saberei quando chegar a hora, entretanto o chamado não para eu sentar e dizer: “Deus faça o que quiser” é para eu bater, bater e bater… sabendo que a porta se abrirá de qualquer maneira, e do outro lado da porta haverá a vontade perfeita de Deus.

Deus muitas vezes mudou de ideia em relação ao homem, mas eu sei disso porque em todos os casos eu estou lendo a história, mas eu não saberei disso (a não ser que seja a vontade dele me revelar) quando eu sou a história. E neste momento nós somos a história. Veja um exemplo prático:

Jó passou por todos aqueles problemas sem saber daquela “reunião” entre Deus e Satanás. Jó não lia o livro de Jó, eu leio, por isso sei do porque Jó estava passando por tudo aquilo, mas Jó não. Jó não chegava em sua casa e abria a Bíblia no livro de Jó, porque ele era a história.

Quando nós somos a história, tudo o que está ao nosso alcance é orar, pedir e suplicar a Deus o que queremos. Deus, que conhece além da nossa história, saberá se aquilo que pedimos é bom ou não, e assim como nos é dito na oração do Pai nosso, ele nos livrará de tudo aquilo que é mal, mesmo se esse “mal” aos meus olhos, aparentar ser bom.

Espero que você tenha entendido.

Até Já!

7 Comentários


  1. Otimo tema , mesmo a gente querendo a nossa vontade , tem que prevalecer a vontade de Deus!

    Responder

  2. Para aprofundar esse tema bem complexa da oração, eu sugere a vocês de ler um livro muito interessante de Philip Yancey : Oração, ela faz alguma diferença? ( Editora Vida ).
    Abço.

    Responder

  3. Graça e Paz a todos.

    É isso mesmo Luiz Henrique, muita das vezes costumamos pensar que quando nossas orações são atendidas, pensamos que Deus mudou de ideia para nos satisfazer, nos agradar ou coisa do tipo, quando na verdade, já bem antes de orarmos Deus já sabia o que iriamos pedir, e sua oração foi atendida é porque já era, bem antes de orarmos, o plano de Deus de nos atender, isto porque uma características de Deus é ser Uni ciente, ou seja, Ela já sabe bem antes, o que vamos pedir. Isto é corroborado no texto em que nosso Salvador disse:

    7 – Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á.
    8 – Porque, aquele que pede, recebe; e, o que busca, encontra; e, ao que bate, abrir-se-lhe-á.
    9 – E qual dentre vós é o homem que, pedindo-lhe pão o seu filho, lhe dará uma pedra?
    10 – E, pedindo-lhe peixe, lhe dará uma serpente?
    11 – Se vós, pois, sendo maus, sabeis dar boas coisas aos vossos filhos, quanto mais vosso Pai, que está nos céus, dará bens aos que lhe pedirem?
    Mateus 7:7-11

    Pela análise do texto acima, podemos concluir que Deus já tem a benção prontinha para te dar, Ele está pronto para atender as suas orações, bem antes mesmo de você pedir, porque sabe o que você vai pedir, além é claro, de que o texto sugere de que Jesus estava exortando o povo a orar, isto para que o povo pudesse ter intimidade com o Pai (Deus), e qual o filho que tenha intimidade com o seu pai terreno, que nunca pedirá qualquer coisa a ele, imagine com o Pai celestial.

    Porém Deus só vai te atender se o que você pedir, estiver de acordo com a vontade Dele.

    Pedis, e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites. Tiago 4:3

    Lembra o que Jesus orou no vale de Getsemani.

    E, indo segunda vez, orou, dizendo: Pai meu, se este cálice não pode passar de mim sem eu o beber, faça-se a tua vontade. Mateus 26:42

    Dizendo: Pai, se queres, passa de mim este cálice; todavia não se faça a minha vontade, mas a tua. Lucas 22:42

    Imagine só se Deus mudasse de ideia e resolvesse afastar aquele cálice de Jesus!!!

    O que Deus muda é a nossa história, mas nunca as sua ideias, por isso, para cada atitude nossa Ele já tem um plano certo, diante daquilo que escolhermos. E só observar no antigo testamento, quantas e quantas vezes Deus mudou a história de Israel e de Judá, e quantas alianças Deus fez com o homem, e quantas vezes Israel e Judá se desviaram do caminho de que o Senhor tinha para eles, e quantas vezes Deus os reergueu, e só observar os textos bíblicos.

    E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra.
    2 Crônicas 7:14

    Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes.
    Jeremias 33:3

    A paz a todos

    Jorge

    Responder

    1. Com certeza Jorge!

      A vontade de Deus está além da nossa, entretanto o fato de pedirmos o que queremos mostra que confiamos nele.

      Fica na paz!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *