O REINADO DO REI JOSIAS

O reinado do Rei Josias
Idade em que começou a reinar: 8 anos
Duração de seu reinado: 31 anos
Nome de sua mãe: Jedida
Nome de seu pai: Amom
Local de seu reinado: Judá – Reino do Sul
Esfera de ação: II Reis 22-23: II Crônicas 34-35

Falo de Josias com muita alegria, pois a sua vida foi um exemplo de conversão sincera e fidelidade a Deus. Começou a reinar muito jovem, tinha apenas oito anos quando assumiu o reinado e, aos 16 anos, tomou uma grande decisão em sua vida: decidiu buscar ao Senhor com todo o seu coração e conhecer a Deus verdadeiramente. Revoltou-se com as atitudes pecaminosas de seu pai e seu avô e resolveu partir em busca da santidade.

E, fazendo valer o que diz Jeremias 33:3, Deus prontamente começou a anunciar-lhe coisas grandes e firmes, as quais ele ainda não tinha conhecimento. Impulsionado por Deus, decidiu lançar fora todos os ídolos da Casa do Senhor, consertando assim os erros que seu pai havia cometido. Despedaçou todas as abominações, destruiu os altares sem medo e sem receios. Seu único objetivo era levar o povo a adorar ao Deus verdadeiro e tirar do meio de seu reinado toda a espécie de idolatria. Escolheu homens prudentes para restaurarem a Casa do Senhor. Iniciou-se, então, uma grande reforma, pois desejava restabelecer a comunhão com Deus.

O profeta Jeremias foi seu grande auxiliador. Um fato muito interessante marcou o seu reinado para sempre. O Sacerdote Hilquias havia sido um dos indicados para cuidar do Templo e este, ao cuidar do recolhimento das ofertas que eram trazidos pelo povo, acabou encontrando entre os escombros o livro da Lei. Segundo historiadores e pesquisadores, encontrou os escritos referentes ao livro de Deuteronômio. Imediatamente levou ao conhecimento de Josias a sua descoberta, o qual solicitou que o mesmo fosse lido em sua presença.

Ao ouvir o que estava escrito no Livro, Josias ficou estarrecido ao deparar-se com o que Deus dizia a respeito das conseqüências que certamente acometeriam o seu reinado em virtude da desobediência do povo para com Deus. Aguçando a nossa imaginação, eu diria que Josias ouviu o que está escrito em Deuteronômio 26 no tocante às bênçãos e as maldições. Quando se deparou com o que ali estava escrito sobre o castigo de Deus em virtude da desobediência ficou completamente desesperado. Sua reação imediata foi buscar o perdão de Deus.

Humilhou-se diante dEle e clamou pela sua misericórdia. Assim, convocou o povo a fazer uma aliança com Deus, realizou a Páscoa com grande supremacia. Diz-se que nunca uma houve Páscoa como aquela em todo o Israel. Deus ouviu o seu clamor e prometeu que as conseqüências dos erros que a nação havia cometido não aconteceriam durante o seu reinado.

Morreu tragicamente devido a sua precipitação quando decidiu se meter em uma guerra desnecessariamente, ao pensar que a travessia do rei do Egito pela Palestina lhe oferecia algum tipo de perigo. O rei Neco II atravessava a Palestina apenas para levar reforço às suas tropas. Embora advertido, Josias temeroso decidiu enfrentá-lo por pensar que o seu reino seria atingido e acabou sendo alvejado em meio à batalha. Todos lamentaram a sua morte de sobremaneira.

Lição de vida

A maior lição de vida com respeito a vida de Josias, foi justamente a sua conversão sincera e seu arrependimento. Concluímos o que é realmente se converter ao Senhor. Percebemos que conversão é sinônimo de mudança de atitudes, de posicionamentos. Enfim, é sinônimo de voltar-se ao Senhor com inteireza de coração, independente de nosso passado, do ambiente em que tenhamos vivido e dos exemplos que tenhamos tido.

Um outro detalhe interessante é a disposição que vemos em Josias de seguir ao Senhor e buscar o seu direcionamento. Como sabemos, ainda jovem buscou a Sua presença. Deixou de lado os exemplos ruins que seu pai lhe deixara e as tradições dos povos que existiam ao seu redor. Empenhou-se em seguir ao Senhor, mudando e reconstruindo os seus próprios conceitos.

Em sua busca, obteve o favor do Senhor. Da mesma forma, precisamos ter este sentimento em nosso coração. Precisamos viver o que diz Romanos 12:1 “… e não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente…”. A Palavra de Deus, transformou a mente de Josias, pois ele resolveu vivê-la e seguir os seus direcionamentos. A Palavra renova, transforma e direciona a mente do homem, basta que o mesmo esteja disposto a ouvi-la. Assim, cada culto, cada Palavra lida e ouvida, deve causar uma revolução em nosso ser. Revolução de mudança e de novos posicionamentos.

Também aprendemos através da vida de Josias que a precipitação acarreta grandes prejuízos. Por fazer uma tempestade em um copo de água, encerrou-se o seu reinado. Assim, antes de tomarmos qualquer atitude em meio a algum aparente tipo de perigo, precisamos avaliar bem todas as coisas e clamarmos pelo direcionamento de Deus. Ao meu ver, esta foi a única falha que Josias cometeu.

FAÇA O DOWNLOAD DA TOOLBAR VOCÊ PARA DEUS

2 Comments

  1. Parabens pelo blog é muito bom mesmo.

    estou de seguindo se pode faça o mesmo.

    pitante.blogspot.coom

  2. muito boa a interpretação da historia de Josias,parabens ao escritor do portal vc para Deus

Comments are closed